Campeões em título ausentes da 2ª edição do Open MOS de Portugal

Foto ©MCP

De todos os campeões em título, apenas Fernanda Costa, atleta do Clube Minigolfe do Porto, marca presença na 2ª edição do Open MOS em Vilamoura.

Paulo Gomes, atleta do Minigolfe Clube de Portugal, e o melhor em prova na primeira edição com apenas 180 tacadas, não vai participar nesta nova edição. O mesmo acontece com os atletas do Porto, André Silva, Luís Silva, Eduardo Salazar e João Fontes, que venceram em 2019 a categoria de equipas.

Paulo Gomes, vencedor da primeira edição na categoria de Homens.

Enquanto que o número total de atletas caiu de um total 54 no ano de 2019 para 33 atletas em 2022, o que pode ser justificado pela ausência dos atletas federados mais ambientados aos desafiantes obstáculos das vertentes de Mini e Felt, a equipa da União Desportiva Praiense Minigolfe (UDP), especializada nesta vertente, reforçou a sua participação este ano com a presença de 17 atletas, mais um inscrito do que em 2019.

Ver também:
Conheça os vencedores do primeiro 1º Open MOS – Portugal

Esta é assim uma excelente oportunidade para a UDP, que na edição de estreia não foi além do quarto lugar em equipas, sétimo em Homens e quinto em Senhoras, conseguir o tão ambicionado título nesta prova. Pela frente irá reencontrar Fernanda Costa, atual detentora do título na categoria de Senhoras.

Já na categoria de homens do top 5 apenas António Manuel, atleta do Minigolfe Clube de Portugal, irá marcar presença.

Recordamos que a competição está agendada para os dias 12 e 13 de novembro, no campo “Via Lusitânia” do Family Golf Park, em Vilamoura.